domingo, 29 de março de 2015

Parabéns, Salvador! 466 anos!


Neste 29 de Março, data oficial da primeira capital do Brasil, minha homenagem à "Cidade da Baía" é uma das músicas que mais a representam:

É D'OXUM
(Vevé Calazans/Gerônimo)

Nessa cidade, todo mundo é d'Oxum
Homem, menino, menina, mulher
Toda essa gente irradia magia
Presente na água doce
Presente na água salgada
E toda cidade brilha...

Seja tenente ou filho de pescador
Ou importante desembargador
Se der presente, é tudo uma coisa só
A força que mora n'água
Não faz distinção de cor
E toda cidade é d'Oxum

É d'Oxum... é d'Oxum...

Eu vou navegar
Eu vou navegar nas ondas do mar
Eu vou navegar...


sexta-feira, 27 de março de 2015

sábado, 14 de março de 2015

Mais Amor


That's my way, and I go
Esse é meu caminho, e nele eu vou
Eu gosto de pensar que a luz do sol
Vai iluminar o meu amanhecer.

Mas, se na manhã, o sol não surgir
Por trás das nuvens cinzas, tudo vai mudar
A chuva passará e o tempo vai abrir
E a luz de um novo dia sempre vai estar

Pra clarear você
Pra iluminar você
Pra proteger, pra inspirar
E alimentar você...

(Edi Rock & Seu Jorge)




sexta-feira, 13 de março de 2015

Vista a minha pele


Quer entender o que é racismo? De verdade? Seja Negro por apenas 24 horas e você vai descobrir.

sexta-feira, 6 de março de 2015

Sobre os nossos silêncios


"Nossas vidas começam a acabar no dia em que nos silenciamos sobre as coisas que importam." (Martin Luther King Jr.)

Que esta frase nos sirva de reflexão. Muitos movimentos sociais e sindicatos de trabalhadores das mais diversas áreas reivindicam seus direitos, como se sua luta estivesse dissociada das outras.
 Muitas pessoas possuem questionamentos válidos sobre determinada situação de injustiça, dentre as várias com as quais nos deparamos diariamente, mas silenciam sobre as demais questões.
Precisamos achar um ponto de convergência, que consiga abarcar grande parte das demandas da sociedade. Questões salariais, condições de trabalho, racismo, machismo e homo/lesbo/transfobia fazem parte da maioria das manifestações, mas, dificilmente, se articulam.
Enquanto estivermos divididos, jamais alcançaremos plenamente os nossos objetivos.